Dieta do Ultra-metabolismo – Emagreça até 10 quilos


Já ouviu falar da dieta do Ultra – metabolismo? Essa dieta vem dando o que falar nos Estados Unidos. Criado pelo médico Mark Hyman, MD, a dieta é baseada na ciência nutrigenômica, uma ciência que mostra como os alimentos afetam nossos genes. A prioridade são os alimentos integrais, vegetais ricos em antioxidantes, que segundo a ciência nutrigenômica ativam os genes que interferem na perda de peso, aceleram o metabolismo e queimam a gordura.

No livro de Mark Hyman “Plano Simples de Perda de Peso Automática”, o programa tem duração de 8 semanas, ajuda na desintoxicação do organismo e frisa a conexão mente corpo e como seus genes desempenham um papel fundamental em relação ao apetite, desejos por doces e carboidratos, interferindo no nosso metabolismo e na digestão.

Mas como funciona a Dieta do Ultra-metabolismo?

É uma dieta super saudável, com duas fases, a primeira um pouco mais restritiva, mas que consiste basicamente em alimentos como grãos integrais, não processados, nozes, feijão, legumes, frutas, peixes gordos, e assim por diante.


Confira: Gel Redutor de Medidas, Flacidez e Estrias >>>

De acordo com a dieta, comer certos alimentos ricos em nutrientes como ômega-3, leva a uma reação que ativa os genes, que pode aumentar o seu metabolismo e ajuda a queimar gordura pois faz com que o açúcar entre lentamente na corrente sanguínea, impedindo que esta seja armazenada em forma de gordura.

Fase 1

A primeira fase é de desintoxicação com duração de uma semana. Nessa fase devemos evitar alimentos que contenham algum tipo de açúcar, farinha refinada ou que possam ser alergênicos como leite e derivados e ovos. Se pode perder cerca de 2,5 a 5kg. Veja a lista dos alimentos proibidos na primeira fase:

• Ovos
• Açúcar
• laticínios
• Frutose
• Xarope de milho
• Cafeína
• Álcool
• Alimentos processados
• alimentos industrializados
• Gordura trans hidrogenada
• Carboidratos refinados
• Adoçantes artificiais

Fase 2

Na fase 2 com duração de 4 semanas o objetivo é ajustar o seu metabolismo, reeducar o organismo, aumentar a sua energia e revitalizar a sua saúde. Alguns alimentos proibidos da Fase 1 devem continuam a ser evitados, outros como bebida alcoólica e café é permitida em quantidades limitadas nessa fase (até três doses de bebidas alcoólicas por semana e meia xícara de café uma vez por dia).

Em 4 semanas é possível perder 2 a 4,5kg num período de duas a quatro semanas. Depois, cerca de 500g por semana até que se atinja o peso ideal. A dieta saudável iniciada na Fase 1 é mantida, mas os alimentos descartados podem ser reintroduzidos para a monitoração dos efeitos que exercem sobre a saúde.

Outras recomendações da dieta é comer a cada três a quatro horas, com lanches que incluem proteína e não comer duas ou três horas antes de dormir. A dieta tem muitas outras finalidades além de emagrecer, veja quais são:

• Controlar o apetite
• Reduzir o estresse
• Diminuir reações inflamatórias
• Evitar o estresse oxidativo
• Transformar calorias em energia
• Fortalecer a tireoide
• Ame o seu fígado

Sugestões de alimentos para a Fase 1

Os alimentos saudáveis ​​são enfatizados em cada uma dessas refeições. Veja nossas sugestões:

Café da manhã: amaranto, quinoa, grãos integrais, aveia,

Lanches e ceia: Frutas cítricas ou da época, abacate, castanhas, nozes, amêndoas e sementes de linhaça e de girassol.

Almoço e jantar: Feijão branco, lentilha, leguminosas em geral, ervilha, vagem, folhas verdes escuras, aspargos, vegetais crucíferos, azeite, peixes oleosos como atum, salmão, arenque e cavalinha.

Prós e Contras da Dieta Ultra-Metabolismo:

Os prós da dieta é que ela enfatiza a prioridade em comer alimentos saudáveis como grãos vegetais e integrais, frutas, vegetais verdes antioxidantes, grãos inteiros, peixes e vegetais ricos em ômega 3. Ao fazer isso você terá alguns efeitos positivos imediatos, como aumento da disposição, pele mais saudável, boa digestão, bem estar geral.

Mas a questão sobre como essa alimentação pode ativar os genes que auxiliam o emagrecimento ainda causa controvérsias por muitos profissionais. Muitos acham que a dieta é demasiada restritiva e dizem que a longo prazo, este tipo de reeducação alimentar ​​pode ser benéfica, mas sem tantas restrições.

Outros afirmam, que a interferência sobre os genes deveria ser de forma individual para que fosse mais direcionado. Há outros que ainda dizem que embora vários estudos da ciência nutrigenômica evidenciam a ligação da dieta em relação à genética, ainda não há comprovação efetiva se essa dieta realmente altera os genes para promover saúde ou emagrecimento.

No livro “Ultra-Metabolismo – Plano Simples de Perda de Peso Automática”, você encontrará de forma detalhada esse fantástico programa de emagrecimento, onde o autor dá além de dicas valiosas, uma série de sugestões de cardápios e receitas. Com a promessa de reeducar nossos hábitos alimentares e ainda perder até 10 kg em 8 semanas, não custa tentar fazer essa dieta.

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *