Inhame e seus Benefícios para a Saúde

Inhame e seus Benefícios para a Saúde
O inhame é um tubérculo com uma boa fonte de fibras e minerais como potássio, cálcio, fósforo, manganês, entre outros, além de inúmeras vitaminas como vitaminas B1, B6 e C.

É um alimento rico em carboidratos complexos, com índice glicêmico baixo, contribuindo para a digestão ser lenta, evitando os taxas elevadas de açúcar no sangue.

O inhame é muito conhecido por suas propriedades medicinais, depurativas e anti-inflamatórias.


Confira: Gel Redutor de Medidas, Flacidez e Estrias >>>

Muito usada para combater TPM e também para regular o ciclo menstrual, devido à diosgenina, substância usada por na síntese do estrogênio e progesterona em remédios. Durante a gestação, o inhame também ajuda a reduzir a retenção de líquidos e náuseas.

Tem elevados níveis de vitaminas, fibras dietéticas e sais minerais, ao mesmo tempo que é pobre em gorduras saturadas e sódio.

Os Inhames têm altos níveis de vitamina B6, que é conhecido pelo seu poder anti-depressivo, benéfico para aliviar os sintomas do período pré menstrual, além de reduzir os riscos de doenças cardíacas e derrames, pois eles ajudam na decomposição de uma substância química chamada homocisteína.

Os níveis elevados desta substância causam danos às paredes dos vasos sanguíneos, levando a complicações na saúde a longo prazo.

Inhame e seus Benefícios para a Saúde

O inhame também ajuda a nos manter em forma, especialmente devido às suas fibras alimentares, que dá saciedade e mantem a fome à distância e também devido à sua lenta absorção na corrente sanguínea, que ajudam manter as taxas de glicemia estáveis, que por sua vez ajudam a manter o peso.

Além disso, o manganês, ajuda no metabolismo de hidratos de carbono, impedindo que fique estocado em forma de gordura.

É considerado um antiespasmódico muito eficaz para as cólicas menstruais, dores articulares, nevralgias, tensão nervosa, tensão muscular, cãibras abdominais e intestinais. Possui nutrientes importantes para a função glandular ideal e beneficia os sistemas respiratório, urinário e nervoso.

O inhame possui ácido oxálico, que ao ser manuseado por pessoas mais sensíveis, podem causar reação alérgica. O inhame é fonte também de proteínas amargas como dioscorin, diosgenina e tri-terpenos. Mas basta cozinhar, que o amargor desaparece.

Se for comer cru, uma dica para tirar o amargo e neutralizar os cristais do oxalato, é deixar de molho em uma solução de vinagre e água.

Como preparar o inhame

Na hora de comprar, escolha sempre os que são firmes e que não estejam com buracos, rachaduras nem com manchas. Além disso, evite os que estão armazenados na geladeira, pois a temperatura fria altera negativamente seu gosto.

O armazenamento do inhame deve ser em lugar arejado, de preferência escuro e bem ventilado, onde não há exposição à luz solar ou altas temperaturas.

Existem muitas formas de preparar o inhame: Cozido, assado, frito e até mesmo cru, adicionado à sucos e vitaminas. Veja uma receita nutritiva de suco com inhame, que pode ser tomado no café da manhã ou até substituindo o jantar.

Suco de frutas com inhame

Ingredientes
1 pedaço médio de inhame (sem casca)
1 goiaba (com casca)
200 ml de suco de laranja
Folhas de hortelã a gosto
Gelo a gosto

Modo de fazer
Descasque o inhame. Bata os ingredientes no liquidificador. Coe e beba em seguida.

Outra receita: Vitamina de leite com inhame. Você pode usar a criatividade e acrescentar outras frutas como banana, maçã ou pera. O gosto do inhame ficará bem sutil e praticamente imperceptível.

Vitamina base de leite com inhame

Ingredientes:
300 ml de leite bem gelado
1/4 de um inhame médio cru, picadinho
Açúcar a gosto

Modo de fazer
Bata tudo no liquidificador. Passe por uma peneira e sirva. Essa é uma receita base. Com ela você pode adicionar outras frutas, se preferir.

Dicas:
O inhame vai também muito bem em caldos e sopas. Agora que o clima está esfriando, não deixe de colocar esse poderoso alimento em sua sopa. Purê de inhame também é simples de fazer e muito gostoso. Basta cozinhar bem e depois amassar com um garfo.

Acrescente um pouco de margarina e tempere a gosto com sal, condimentos e cheiro verde. Lembrando que, para obtermos seus benefícios, seu consumo deve ser regular, ou seja, pelo menos de 3 a 4 vezes por semana. Bom apetite!

Gostou destas dicas sobre Inhame e seus Benefícios para a Saúde? Ainda tem dúvidas ou sugestões sobre o inhame? Então deixe um comentário abaixo.

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *